Notícias

Espaçamento e utilização correta de insumos melhoram os resultados de Produtor

31.05.2021

A produtividade nunca foi problema para o produtor integrado à BAT Brasil, Marcos Vieira. Safra após safra, o jovem produtor de 32 anos alcança bons números de produção.

De posse dos resultados da análise, Marcos corrigiu o solo com calcário, fósforo e matéria orgânica e subsolagem. “Ainda, reduzimos a quantidade de adubação que eu comprava na agropecuária pois percebemos que acabava exagerando na lavoura. Por isso, hoje só utilizo o que é recomendado pela BAT Brasil”, explica o produtor. Agora, Marcos realiza o mapeamento de toda a propriedade a cada três anos e corrige o solo quando necessário. Ele ainda acrescenta que, desta forma, reduziu os custos e melhorou a rentabilidade da produção.

O plantio de uma cobertura verde, no caso o capim sudão, também trouxe bons resultados para a propriedade. Outra providência importante foi a utilização de um espaçamento correto entre plantas na lavoura. “Antes plantava muito longe, dava uma folha muito grossa e sem qualidade” relata Marcos. Depois que passou a plantar no espaçamento correto – 1,30 x 0,45 – obteve uma folha com mais qualidade e equilibrada quimicamente. “Até no momento da cura facilitou”, argumenta.

O jovem produtor cultiva 130 mil pés de tabaco na propriedade localizada em Alto Figueiredo, em Chapadão do Lageado (SC), juntamente com a esposa Angélica dos Santos, 27 anos.

Marcos Vieira e a esposa Angélica dos Santos com a pequena Sophia

Depois que melhorou a qualidade do solo diminuindo a quantidade de insumos e corrigindo o espaçamento entre plantas, garantiu uma melhor rentabilidade.