Notícias

Cura do Tabaco Galpão

Nos tabacos do tipo Galpão, o processo de cura se dá através da ventilação natural em galpões específicos para este fim, que proporcionam um bom ambiente para transformações. Este tipo de tabaco exige muito cuidado, uma vez que é bastante sensível às variações da umidade, e por isso a Souza Cruz trouxe, em 2013, uma tecnologia que melhorou as condições de cura, o Galpão Padrão. Nele a secagem se torna mais rápida, a mão de obra é reduzida e é mais fácil fazer o carregamento.

É necessário tomar muito cuidado no carregamento pois se realizado de forma incorreta, pode comprometer a sanidade do tabaco, uma vez que se o vento não circula corretamente entre os pés, a qualidade do mesmo não se mantém.

Segundo o Gerente de Difusão de Tecnologias, Edvaldo França, “conforme os padrões estabelecidos pela Instrução Normativa n° 10/2007 (IN10), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o tabaco Burley deve ser comercializado com 17% de umidade e acima de 18,5%, é passível de desconto ou devolução, dependendo da sanidade do produto.”

*Em caso de dúvida, consulte seu Orientador Agrícola.